Postado em Cidades» Nossa Senhora da Glória» Plantão» Slide - 13 de junho de 2017 - 8:00 - Sem Comentários

Repórter gloriense é vítima de agressão de segurança em Itabaiana

Durante os festejos que envolvem a Feira do Caminhão de Itabaiana o repórter gloriense Daniel Rezende foi vítima de uma agressão proferida por um membro organizador do evento. O caso ocorreu na madrugada desta segunda (12) quando o homem identificado pelo apelido de “Galeguinho” o impediu de adentrar a área reservada aos camarotes, mesmo este portando o crachá de identificação da empresa que lhe dava o direito de circular por toda a área da festa.

Segundo publicado pelo Sindicato dos Jornalistas de Sergipe (SINDIJOR), por meio de uma nota de repúdio, a ação truculenta do segurança foi contida por um policial militar que interveio após o jornalista ser empurrado para fora do local. A agressão foi testemunhada por várias pessoas que estavam na festa e lamentaram o despreparo do segurança. Confira a nota na íntegra:

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Sergipe (SINDIJOR-SE), entidade de classe que representa os Jornalistas e o Jornalismo em Sergipe, vem a público expressar seu repúdio à agressão sofrida pelo jornalista Daniel Rezende, na madrugada do domingo (11), em Itabaiana, durante a Festa do Caminhoneiro.

Daniel Rezende produzia matérias jornalísticas para a Rádio Xodó FM, quando foi agredido por um segurança que o impediu de adentrar a área reservada aos camarotes, mesmo o profissional portando o crachá de identificação da empresa e uma credencial do evento que lhe dava o direito de circular por toda a área da festa. A ação truculenta do segurança foi contida por um policial militar que interveio, após o jornalista ser empurrado para fora do local. A agressão foi testemunhada por várias pessoas que estavam na festa e lamentaram o despreparo do segurança.

Fundamentado na lei maior que rege a classe jornalística, o SINDIJOR reconhece Daniel Rezende como um profissional respeitado e cumpridor de suas atribuições profissionais, sempre pautado no Código de Ética do Jornalismo. Este ataque é mais um ato grave que demonstra a intolerância e a incapacidade de convivência harmoniosa de determinados setores da sociedade com os jornalistas, bem como fere o direito constitucional da liberdade de imprensa, prejudicando o pleno exercício da profissão.

Diante de mais uma agressão à categoria, o SINDIJOR reforça sua preocupação com a espiral crescente de violência contra jornalistas e estudantes em pleno exercício profissional. Também se solidariza com o jornalista Daniel Rezende, coloca a assessoria jurídica a sua disposição, e exige das autoridades itabaianenses a apuração rigorosa da agressão, com a punição do responsável.

A democracia exige respeito aos profissionais da imprensa, pois não há democracia sem liberdade de imprensa e não há liberdade de imprensa sem jornalistas.

SINDIJOR-SE – Sindicato dos Jornalistas de Sergipe

A agressão foi alvo de uma postagem do jornalista nas suas redes sociais, onde lamentou o despreparo do envolvido e criticou a escolha do profissional por parte da Prefeitura Municipal de Itabaiana. Em um dos trechos da sua nota, ele afirma: “Me encorajei a denunciar o fato e a publicamente lamentar o despreparo dessas pessoas da área de produção de eventos que se sentem os “Reis do Pedaço” e destratam os profissionais da imprensa constantemente. Reconheço a ótima gestão do Prefeito Valmir de Francisquinho e não o culpo pelo erro do seu comandado, mas recomendo ao mesmo que reavalie as suas escolhas para trabalhos como estes, que exigem dos escolhidos muito preparo e, acima de tudo, humildade ao lidar com as mais variadas situações.”

A polêmica chegou até o Prefeito de Itabaiana Valmir de Francisquinho (PR), que contatou o jornalista na noite da segunda para se solidarizar com o ocorrido e afirmar que trataria da demissão do envolvido ainda naquele turno.

Daniel Rezende é estudante do 8º período de Jornalismo e possui registros profissionais como jornalista e radialista, funções as quais exerce no Site Mais Sertão e na Rádio Xodó FM.

Por: Redação Mais Sertão
Portal de notícias fundado em 2015 a partir do até então 'Portal Mais Glória'. Somos coordenados por uma equipe de jornalistas comprometidos com a imparcialidade e exibição de notícias em tempo real.
Enium Criação de Sites

Deixe seu comentário!