Postado em Nossa Senhora da Glória» Plantão» Slide - 17 de Janeiro de 2018 - 16:23 - Sem Comentários

PREFEITO CHICO COPIA REAJUSTE DE TEMER E TRAI SERVIDORES DE GLÓRIA

O Prefeito do município de Nossa Senhora da Glória, Chico do Correio, decidiu aplicar, na surdina, o reajuste salarial de 1,8% aos servidores glorienses, cujo percentual está abaixo da inflação do ano passado e se iguala ao que foi imposto, nacionalmente, pelo golpista Michel Temer no menor reajuste do salário mínimo dos últimos 24 anos. O percentual foi imposto, unilateralmente, através do Projeto de Lei Complementar de nº 02/2018, votado na manhã desta quarta (17), em uma sessão extraordinária convocada às pressas pelo gestor, com o apoio da sua base aliada na Câmara de Vereadores.

A informação surgiu como uma bomba para a direção do Sindicato dos Servidores Públicos do Município (Sindiserve-Glória), que ainda aguardava o prefeito para a abertura de um diálogo voltado ao estabelecimento de um aumento salarial digno para as categorias que prestam os serviços municipais. Dois ofícios foram enviados para o gabinete de Chico do Correio entre o fim de 2017 e início de 2018, mas o prefeito não teve a responsabilidade de abrir uma negociação para tratar deste assunto e da revisão do plano de cargos, carreiras e salários, preferindo agir, às escondidas, para fugir do sindicato e desrespeitar os direitos dos servidores glorienses.

Mesmo em recesso, os vereadores compareceram à Câmara de Vereadores para a sessão extraordinária, aprovaram por unanimidade o caráter de urgência e, na sequência, também por unanimidade, a própria aprovação do projeto.

“Esperávamos que, no mínimo, um dos vereadores ali presentes fizesse a intermediação entre os servidores e a administração, já que, sem nenhuma explicação, a gestão não atende os representantes dos servidores”, revelou a secretária de Comunicação do Sindiserve-Glória, Itanamara Guedes.

Votaram favoráveis ao reajuste pífio, contra os servidores, os vereadores Flávio do PT, Dudu Carcará, Astrogildo, Arielle, Maraysa de Ancelmo, Ivone das Aningas, Júnior Gazeta e Icinho Taxista. Além deles, o vereador Tatiu de Humberto Ribeiro votou a favor da urgência, mas não permaneceu no plenário durante o restante da votação. Se ausentaram da sessão os vereadores Gaguinho, Tita e Nininha Professora.

Diante das atitudes do prefeito Chico do Correio, que copia a política perversa de desvalorização do governo federal ilegítimo para também prejudicar os servidores municipais, o Sindiserve Glória afirma que vai lutar contra a sanção do percentual autoritário e para exigir uma outra posição, por parte do gestor, que seja capaz de contornar esse projeto que mancha a sua história de diálogo e de parceria com a classe trabalhadora de Nossa Senhora da Glória.

#SouForte #SouSindiserve

Por: Paulo Pereira
Repórter do Programa Fala Sertão da FM Boca da Mata, Repórter da Rio FM e Diretor Executivo do Portal Mais Sertão. Radialista: DRT 5.1149/SP SINAJ: 06/17
Enium Criação de Sites

Deixe seu comentário!