Missa que marca data da morte de Lampião acontece nesta terça-feira pela internet


- 28 de julho de 2020 | - 9:46 - - Home » » »

Nesta terça-feira, às 17h, acontece a XXIII Missa do Cangaço, que marca o aniversário de 82 anos da morte de Virgulino Ferreira da Silva, popularmente conhecido como Lampião. Em virtude da pandemia do novo coronavírus, o evento será transmitido pelas redes sociais do Museu da Gente Sergipana Governador Marcelo Déda e do Instituto Banese.

A celebração será realizada pelo Padre Mário César de Souza. Também participam do evento o Quinteto de Cordas e Percussão da Orquestra Jovem de Sergipe e do Grupo de Xaxado “Na Pisada de Lampião”, do município de Poço Redondo.

Todos os anos, a missa é realizada na Grota do Angico, em Poço Redondo, local da morte de Lampião, sua esposa Maria Bonita e mais nove companheiros.

Morte de Lampião

O bando de Lampião acampou na fazenda Angicos, Sertão de Sergipe, no dia 27 de julho de 1938. A área era considerada por Virgulino como de extrema segurança, longe das vistas das forças policiais. Mas na manhã do dia seguinte, os cangaceiros foram vítimas de uma emboscada, organizada por soldados do estado vizinho, Alagoas, sob a batuta do tenente João Bezerra. De acordo com pesquisadores, o combate durou somente 10 minutos.

Grota do Angico

O Monumento Natural Grota do Angico foi criado pelo governo de Sergipe há nove anos. Desde a sua criação, a unidade é administrada pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) e recebe visitantes de várias partes do Brasil e do exterior, para a realização de estudos e pesquisas científicas. Além de abrigar o local da história do Cangaço, representa a única unidade de conservação estadual do bioma caatinga.

por G1SE

 
Por: Redação Mais Sertão
Portal de notícias fundado em 2015 a partir do até então 'Portal Mais Glória'. Somos coordenados por uma equipe de jornalistas comprometidos com a imparcialidade e exibição de notícias em tempo real.
Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!